Fisioterapia para pessoas obesas

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), há no mundo aproximadamente 300 milhões de obesos. É um dos dez principais problemas de saúde pública que atinge todas as faixas etárias da população mundial. No Brasil, há cerca de 17 milhões, sendo o quinto país com maior número de pessoas com excesso de peso. Crianças que já demonstram índice de massa corporal (IMC) alto possui tendência de continuarem obesas na fase de crescimento até a vida adulta.

As causas da gordura corporal em excesso são variadas, sendo em maior parte por falta de atividade física (sedentarismo), tendência (genética), diabete tipo dois e hipertensão arterial. A obesidade afeta tanto o psicológico (depressão e ansiedade, por exemplo) como o físico do paciente, trazendo problemas posturais, dores na coluna, pernas e regiões do corpo.

 

Benefícios que a Fisioterapia pode trazer na vida de pessoas com obesidade

A fisioterapia ajuda em pacientes que sofrem de lesões por causa da obesidade, atuando principalmente em padrões posturais, de modo que diminui dores e alterações musculoesqueléticas causadas pela sobrecarga do excesso de peso. Atuando também na recuperação da mobilidade física, minimizando a dor muscular, espasmos e tensão. Outra vantagem é o melhoramento do sistema circulatório, prevenindo a trombose. No caso do sistema cardiovascular, atua no nível respiratório e motor, aumentando à resistência a fadiga e reduzindo o risco de doenças degenerativas.

Apesar de pouco divulgado, as sessões de fisioterapia são recomendadas para quem sofre de obesidade, pois elas diminuem riscos de obesidade mórbida e até mesmo um derrame cerebral. A Central da Fisioterapia realiza atendimento a domicílio em diversos pacientes. Solicite atendimento ou se precisar de mais informações sobre Fisioterapia ou sobre a Central da Fisioterapia, entre em contato conosco, será um prazer atendê-lo!