Como lesões nos meniscos anteciparam fim da carreira de Reinaldo, ex-Atlético Mineiro

Foram vários os jogadores de futebol que apresentaram lesão no menisco, entre eles Zico, Falcão, Van Basten, Baresi, Ronaldo Fenômeno e Kaká. Entretanto, o caso mais significante foi o de José Reinaldo de Lima, o Reinaldo, jogador que mais marcou gols com a camisa do Atlético Mineiro, apelidado por Rei, pela torcida.

Em 1974, durante uma partida, Reinaldo rompeu os meniscos ao pisar em um buraco no campo e a lesão foi agravada quando recebeu uma entrada de um companheiro de equipe, no mesmo joelho, enquanto treinavam. Em 1976, teve os dois meniscos retirados em uma cirurgia, procedimento que mais tarde foi considerado desnecessário por especialistas. Reinaldo ainda participou de diversos campeonatos e das Eliminatórias da Copa de 82, mas foi cortado por Telê Santana na convocação final. Em 1988, encerrou a carreira precocemente, aos 31 anos, pois seu joelho não aguentava mais a rotina de jogador. 

O caso mais recente foi o do pentacampeão Gilberto Silva, atualmente no Atlético-MG. O jogador, em julho do ano passado, torceu o joelho direito e sofreu a lesão no menisco, passou por cirurgia e ficou mais de três meses afastado dos gramados.